#semprecirculo

#semprecirculo

terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

Patchwork: estrela de seis pontas!

Olá!
Estou me divertindo com as especulações de que vou abandonar o crochê e me dedicar ao patchwork. Oras, eu posso me dedicar nas duas artes sem problema nenhum. Sempre lembro as pessoas que eu aprendi a costurar beeem antes de aprender a fazer crochê, cresci brincando embaixo das máquinas da minha mãe, tá no sangue, não tem como se livrar disso.
Mas costurar roupas é uma coisa, patchwork é outra! Aqui tem geometria, precisão nos cálculos, desafios. Aqui tem margem de costura, não margem de erro. O crochê até permite alguns "jeitinhos", puxa daqui, puxa dali, passa uma vapor e tudo se ajeita. Aqui não, tem que começar certo prá teminar certo. Acho que é isso que está me encantando nesta técnica, a ordem, a simetria, porque como boa aquariana que sou, organização nunca foi o meu forte e com o patchwork eu finalmente estou aprendendo a me organizar. Já era hora, kkk, mas antes tarde do que nunca :D 
Pensa, agora tenho uma caixa bonita, com tampa e os tecidos estão organizados por cores. Viu, as pessoas mudam sim, minha comadre Luisa Virginianaorganizadaquesó, vai sentir orgulho de mim!

Mas enfim, abaixo fiz uma sequência de fotos mostrando como cheguei nesta estrela aqui e todos os tecidos usados são da Círculo SA. 

Beijokas da Iza :***